Receba Aluguéis sem comprar um imóvel

Você gostaria de receber aluguéis sem precisar ter um imóvel e preocupação com inquilinos?

Difícil quem não queira… E muitos não sabem, mas isso é possível e mais fácil do que você imagina.

No nosso último artigo falamos sobre Independência Financeira. Poder viver bem, sem depender de salário, sem ter chefe e horários… E falamos também de Renda Passiva para alcançar este objetivo.

Receitas de aluguéis são excelentes fontes de renda para sua Independência Financeira. E o melhor de tudo é que você pode recebê-los sem precisar comprar um imóvel e se preocupar com inquilinos, inadimplência, manutenção, depreciação e etc.

É exatamente o que ensinarei no artigo de hoje.

Boa Leitura!

 


Como Receber Aluguel sem possuir um Imóvel?

casa e dinheiro

Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs). Esta é a resposta.

O que são Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs)?

Criados em junho de 1993 pela Lei 8.668 e regulamentados pela CVM em janeiro do ano seguinte através das Instruções nºs. 205 e 206. Nova regulamentação pela Instrução CVM nº 472 em 31/10/2008.

Os Fundos Imobiliários são formados por grupos de investidores com o objetivo de aplicar recursos, solidariamente, em todo o tipo de negócios de base imobiliária, seja no desenvolvimento de empreendimentos imobiliários ou em imóveis prontos. Do patrimônio de um fundo podem participar um ou mais imóveis, parte de imóveis, direitos a eles relativos, etc. (Fonte www.fundoimobiliario.com.br )

Muito semelhantes a uma empresa de capital aberto, os fundos imobiliários captam recursos no mercado para investirem em negócios deste setor.

E assim como nas ações, quando você adquire uma cota de um fundo imobiliário, você torna-se sócio do negócio.

Tornando-se proprietário de uma pequena fatia dos imóveis, você passa a ter direito de receber parte da receita gerada por eles.

Chamamos esta receita de Yield Mensal, que na prática é como se fosse o recebimento de um aluguel, sobre o capital investido em um imóvel ou um conjunto deles.

 


Como Adquirir cotas de Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) ?

Como Comprar Fundos Imobiliários

Os Fundos Imobiliários são negociados na Bolsa de Valores, portanto para poder fazer um investimento deste, você precisará abrir uma conta em uma Corretora de Valores Mobiliários, assim como para adquirir ações e títulos públicos.

Com a conta ativa, basta escolher qual fundo você pretende adquirir e efetuar a compra, como se estivesse comprando um lote de ações.

Os custos para aquisição de um fundo imobiliário são os mesmos do mercado de ações. Você terá o custo de corretagem (para comprar e/ou vender), que gira em torno de R$5,00 a R$20,00 e, dependendo da corretora e da sua movimentação nela, haverá um valor a ser pago  mensalmente de custódia, que costuma ser entre R$10 a R$30,00.

Estes custos devem ser levados em consideração para investir em Fundos Imobiliários, afinal de nada adianta você adquirir uma cota de um fundo que pague um bom valor mensal, se esta remuneração for consumida pela taxa de custódia da corretora. Capiche?

 


Vantagens:

Vantagens Fundos Imobiliários

Citarei as 5 principais vantagens de se investir em um fundo imobiliário:

1) Simplicidade:

Se você já adquiriu ou alugou um imóvel, conhece todas as burocracias e complicações de se negociar este tipo de bem. É demorado e trabalhoso.

Nos fundos imobiliários, basta enviar uma Ordem de Compra em sua corretora para adquirir a cota. Mais simples impossível.

2) Baixo Valor de Investimento:

Os imóveis no Brasil sofreram uma valorização de quase 1.000% (em média) nos últimos 12 anos, tornando ainda mais difícil para a maior parte da população, comprar um bem destes.

Em grande parte do país, um apartamento de 50m² custa mais de R$100.000,00.

Nos Fundos Imobiliários você consegue investir a partir de R$10,00.

Observação: Cada Fundo Imobiliário tem um valor específico de cota, algumas custando pouco mais de R$10,00 até outras custando mais de R$1.000,00.

3) Qualidade dos Inquilinos:

Se você possui um imóvel e o aluga, corre risco de inadimplência deste inquilino.

A maioria dos fundos imobiliários possuem seus imóveis locados por grandes empresas, grandes bancos etc, o que diminui e muito, o risco de inadimplência.

4) Geração de Renda Mensal:

A maior parte dos fundos imobiliários distribui rendimentos mensalmente, portanto se você está buscando sua Independência Financeira e/ou uma aposentadoria tranquila, eles podem ajudar no seu fluxo de caixa mensal.

5) Possibilidade de maiores ganhos:

Os Fundos Imobiliários, assim como as ações, fazem parte de um mercado de renda VARIÁVEL.

O valor das cotas oscila de acordo com a oferta e demanda por eles, andamento do setor imobiliário etc, mas vale destacar que de 2013 pra cá, a maioria dos fundos tiveram boa desvalorização, após uma explosão de valores de 2010 a 2012.

Atualmente o setor imobiliário sofre bastante com a crise econômica, e tende a sofrer por mais um tempo, porém devemos nos lembrar que nenhuma crise é eterna (ufa…) e que momentos de crise também são boas oportunidades para adquirirmos cotas e ações por um bom preço (abaixo do valor que refletem seu patrimônio e resultado).

Quando você investe em um fundo imobiliário, além de receber mensalmente um “aluguel”, verá seu dinheiro aumentar se as cotas valorizarem-se.

 


Desvantagens:

Casa em chamas

Nem tudo são flores. Com os Fundos Imobiliários não seria diferente. Veja algumas desvantagens:

1) Risco:

Como dito anteriormente, este investimento faz parte de Renda Variável, ou seja, assim como no mercado de ações, você pode comprar um fundo e ver a cota valorizar-se, assim como pode comprar uma cota e seu valor está cair…

O valor da cota não interferirá no valor recebido mensalmente por você, portanto se sua intenção for comprar fundos imobiliários para longo prazo, pensando em gerar uma renda mensal, uma desvalorização da cota não será problema no seu investimento, desde que você não venda na queda, obviamente.

2) Taxa de Vacância:

É o período em que o imóvel pode ficar desocupado. Alguns fundos administram shoppings e complexos comerciais por exemplo e podem ficar com algumas lojas e/ou salas desalugadas. Um fundo que tenha somente um imóvel pode ter seu contrato rompido pelo inquilino e ficar vazio por um tempo.

Quando isso acontece, o valor repassado aos cotistas dos Fundos Imobiliários diminui, ou até cessa em caso de fundos que administram um único bem. Se o imóvel que você possui uma fatia está sem gerar renda, você não receberá seu aluguel mensal, assim como se um imóvel seu estivesse desocupado.


Tributação dos Fundos Imobiliários:

leão triste

Os Yields recebidos mensalmente dos fundos imobiliários (aluguéis) são isentos de IR, o que torna esse tipo de investimento bastante atrativo, já que você não terá que dividir seus lucros com o leão.

Porém, é importante destacar que, se você vender sua cota em fundos imobiliários com lucro (valor maior que o valor de compra), o lucro desta operação será tributado em 20%. Somente em caso de venda com lucro, o rendimento mensal está isento de tributação.

Darei um exemplo para facilitar:

Você comprou uma cota do Fundo A por R$1.000,00.

Este Fundo A está pagando mensalmente a você um Yield de R$10,00. Sobre este valor, não há incidência de IR.

Um ano depois, você decide que não quer mais deixar seu dinheiro investido no Fundo A e vende sua cota por R$1.100,00.

Houve um lucro de R$100,00 nesta venda (você comprou por R$1.000,00 e vendeu por R$1.100,00).

Este lucro é tributado em 20%. Logo, você precisará pagar o valor de R$20,00 de Imposto de Renda (20% sobre os R$100,00) nesta operação.

 


Conclusão:

Fundo Imobiliário Conclusão

Você aprendeu neste artigo:

  1. Como Receber aluguéis sem precisar comprar um imóvel;
  2. O que são Fundos Imobiliários;
  3. Suas principais vantagens;
  4. Suas principais desvantagens;
  5. Como são tributados.

Este é apenas o primeiro artigo sobre Fundos Imobiliários, escreverei muitos outros, há muito o que ser dito sobre eles. Mas pelo menos agora vocês já foram apresentados 🙂 .

Importante destacar que, apesar de ser uma boa opção de investimento na sua busca pela Independência Financeira, muitas coisas precisam ser analisadas antes da decisão de comprar um Fundo Imobiliário.

Ensinarei o que e como analisar nos fundos nos próximos artigos, porém, se você optar por iniciar seus investimentos neles antes disso, sugiro que estude bastante e leia bastante, para não arrepender-se de comprar uma cota que não trará a rentabilidade que você almeja.

Deixo claro que este texto não trata-se de recomendação de compra nem de venda de Fundos Imobiliários, mas sim de um material informativo, para que você possa definir quais investimentos se adequam melhor à sua estratégia de investimentos.

Espero que tenha gostado do artigo e que continue acompanhando o Blog para aprender mais sobre Fundos Imobiliários e outros tipos de investimentos.

Aguardo suas dúvidas e sugestões nos campos abaixo.

 

Abraço

ALINE PORTO

 

 

Sobre Aline Porto

Aline Porto Educadora financeira que passou de devedora a investidora e quer ensinar você a fazer o mesmo

  • Vando Nascimento

    Excelente, Aline! Aguardamos a publicação de novos post’s sobre FII’s.

    • Obrigada Vando pelo elogio! Em breve publicarei mais artigos sobre o assunto, continue nos acompanhando e deixando sua opinião.

      Abraço
      ALINE PORTO